Cabelo Loiro Perfeito – A Coloração

Oláá!

Várias meninas me perguntam como eu consegui chegar a essa cor de cabelo, como faço para tratar e mantê-lo bonito. Então resolvi fazer um post falando tudo que eu faço, assim tiro a dúvida de todo mundo de uma vez!

Nessa primeira parte, falarei sobre a coloração e de como consegui ter essa cor atual, e na segunda parte (aqui) falarei dos tratamentos que fiz para restaurá-los de tanta química e como mantê-lo bonito.

Meninas, ser loira é difícil, mas alcançar a cor ideal é mais difícil ainda! Eu fiquei aproximadamente um ano mexendo na cor do meu cabelo para chegar a esse tom atual, e tive que aguentar resultados horríveis para poder ser loira fatal! Fiz uma montagem com as fotos minhas das cores que tive antes de conseguir chegar ao tom que estou, que é aproximadamente um tom 10, loiro claríssimo acinzentado.

Vou postar a foto e logo abaixo vou explicar mais ou menos o que foi feito para chegar nos tons das fotos. Lembrando que tudo foi feito no cabeleireiro. Se você tem o cabelo muito escuro (como o meu que era preto) e se quiser fazer mudanças radicais como a que eu fiz, é melhor fazer num cabeleireiro de confiança para não ter problemas.

1 – Meu cabelo natural é um castanho claro, mas depois de ter tingido de vermelho cereja, quis tirar o vermelhão de qualquer jeito e coloquei um preto em cima. Como gostei do resultado, fiquei tingindo de preto azulado por três anos. Até que não aguentava mais ser a Mortícia Adams e resolvi clarear.
2 – No salão, meu cabeleireiro fez duas decapagens e luzes bem fininhas, resultando nessa cor da foto. E tive que cortar também. Eu tinha o cabelo na cintura, e cortei mais de dois palmos para tirar todo o estragado que resultou da decapagem.
3 – Nessa foto, fiz mais luzes pois queria o meu cabelo claro. Mas meu cabeleireiro não fez muitas luzes pois meu cabelo não aguentaria tanta química de uma vez.
4 – Mais luzes, mas dessa vez fiz em maior quantidade. Eu gostei do resultado, mas queria ficar loiríssima, e esse tom ainda estava longe do resultado que queria.
5 – Aí foi a cor que mais odiei! Depois de fazer as luzes que falei da foto 4, fui passar uma temporada na Bahia e mesmo usando filtro solar e cuidando, ele ficou extremamente laranja. Quando voltei e vi meu cabelo, me desesperei e eu mesma passei uma tintura acinzentada para ver se melhorava mas o resultado foi esse da foto 5. Tive corte químico nas pontas e tive que esperar um pouco para poder tingir novamente.
6 – Tive que escurecer um pouquinho para poder tirar todo o laranjão, e cortei meu cabelo na altura do ombro, para tirar os efeitos causados pelo corte químico.

Fiquei uns três meses com essa cor, apenas retocando a raiz para o cabelo poder descansar um pouco de tantos danos.
Fui novamente ao cabeleireiro e fiz mais luzes, quase chegando no tom ideal. Então ele mesmo me recomendou usar uma tintura de tom 12 no cabelo inteiro que iria conseguir chegar na cor que queria. Depois de pesquisar as tinturas que tinham cores assim e com a ajuda da Pérola, do site Cabelos Lindos, escolhi a 12.89 da Color Perfect (com OX de 40 Welloxon Perfect). Essa tintura é um louro claríssimo pérola acinzentado, e como tem esses reflexos cinza, iria neutralizar o amarelado. Depois de passar essa tinta no cabelo inteiro por duas vezes, com um mês e meio de intervalo (e muito tratamento) entre as colorações, finalmente consegui atingir o tom que queria, que é o da foto abaixo.

*Troquei a foto de frente porque aquela pegou o flash só no meu rosto e eu estava parecendo um fantasminha! Essa está melhor, né?
UPDATE: Algumas meninas me pediram por e-mail para colocar uma foto maior e atual do meu cabelo, já que essa que está aí em cima é de mais de um ano. Então colocarei uma que tirei tem pouco tempo, para que vocês vejam como está agora (não muito diferente do que estava antes, só um pouco maior!):

Agora com esse tom, a única coisa que faço é retocar SOMENTE a raiz que cresceu. Eu comecei a saga de começar a ficar loira em outubro de 2008 e só consegui atingir o tom em novembro de 2009, ou seja, mais de um ano!

Então vamos resumir o que você deve fazer se quiser ficar loira:

  • Se seu cabelo for bem clarinho, facilmente você vai atingir o tom desejado. Mas se for escuro ou for tingido de cor difícil de tirar (como preto e vermelho), procure um cabeleireiro de confiança e faça tudo no salão.
  • Atingir o tom ideal demanda tempo, então não adianta querer tingir hoje e ficar loiríssima amanhã. Infelizmente você vai ter que aguentar ter o cabelo com cores estranhas até conseguir chegar onde deseja.
  • Durante o tempo de “enloirecer” tem que tratar MUITO o cabelo, se não seu fio não aguentará a química forte e poderá quebrar e gerar um estrago enorme. No próximo post (aqui) falarei dos tratamentos que fiz para ajudar você nessa jornada.
Já estou com esse tom de loiro há um ano e meio e adoro. Tenho tratado bastante dele e agora ele está crescendo forte e saudável. Mas a batalha foi dura até aqui. Mas mesmo com tudo que passei eu AMO meu cabelo loiro e não tenho a mínima vontade de ficar morena novamente. Se você conseguir um tom bonito e tratar bastante do seu cabelo, com certeza você fará sucesso por aí com seus cabelos claros!
Qualquer dúvida a mais que vocês tiverem, podem comentar que responderei com todo o prazer!
Beijokas!