Benefícios do Pilates

Olá!

Não sei se vocês sabem, mas além de blogueira eu sou fisioterapeuta e instrutora de Pilates!

E não é puxando sardinha pro meu lado mas, o Pilates é uma das atividades físicas mais prazerosas para se fazer!

Se vocês não gostam muito de academia e estão procurando uma atividade física que vai, além de cuidar do corpo, cuidar também do psicológico, vocês precisam conhecer o Pilates!

No post de hoje vou falar para vocês todos esses benefícios e no final do texto tenho certeza que vocês irão sair da internet direto para um estúdio de Pilates!

Vem conferir comigo!

8 Benefícios do Pilates

beneficios-do-pilates-2

1 – Corrige a postura

Os exercícios do Pilates são realizados seguindo uma série de princípios, entre eles a contração do power house, um conjunto de músculos responsáveis por manter a coluna alinhada e protegida durante toda a sessão de exercícios.

Além disso, os exercícios incluem fortalecimento de músculos específicos responsável pela manutenção da força e do alinhamento de todos os músculos posturais.

Tudo isso é realizado sempre com a supervisão de um profissional habilitado (fisioterapeuta ou educador físico), o que melhora consideravelmente a postura.

2 – Diminui o stress e ansiedade

Praticar Pilates não é apenas a realização de alguns exercícios físicos. Em toda a aula é necessário seguir padrões respiratórios específicos e ter concentração e controle em todos os movimentos.

Conforme o tempo, os alunos adquirem um maior controle do corpo, lidando melhor com as situações de stress e ansiedade.

A respiração especial também ajuda a controlar a ansiedade em momentos de crise.

Os alunos também sempre referem que saem da aula muito mais relaxados.

3 – Ameniza as dores musculares e articulares

A prática do método Pilates aumenta a flexibilidade do corpo e trabalha o fortalecimento muscular, principalmente da parte abdominal e dos músculos da coluna.

Com a prática frequente, as dores crônicas musculares e articulares diminuem muito, muitas vezes chegando até zerar completamente.

Alunos que fazem uso frequente de analgésicos relatam não tomar mais medicamentos para dor após começarem a praticar Pilates.

4 – Melhora a respiração

Como disse anteriormente, na execução dos exercícios é necessário realizar respirações combinadas e com contração de alguns músculos da região abdominal e pélvica (o power house).

Esse método melhora a força e a flexibilidade dos músculos respiratórios, melhorando e até aumentando a capacidade pulmonar.

O aluno vai aprendendo a realizar respirações mais lentas e coordenadas, o que traz benefícios para os pulmões e vias aéreas superiores.

Alunos que sofrem de doenças respiratórias como asma e bronquite melhoram consideravelmente a saúde respiratória após a realização do Pilates

5 – Fortalece a musculatura

O Pilates melhora muito a força muscular, de forma global. Em apenas 1 aula, todos os músculos de membros superiores, inferiores e abdominais são trabalhados de forma intensa, melhorando a força muscular de forma rápida e duradoura.

Além da força, há melhora da resistência e tônus muscular. De quebra, o corpo fica bem modelado. 😉

O fortalecimento muscular ajuda também a formação de massa óssea, sendo ótimo para prevenir a osteoporose. Se o aluno já possui a doença, o Pilates ajuda a prevenir possíveis fraturas osteoporóticas.

6 – Melhora a coordenação motora

Alguns exercícios no pilates são feitos de forma concomitante a outras atividades, o que melhora a coordenação motora, equilíbrio e consciência corporal.

7 – Aumenta a flexibilidade

Além de aumentar a força, o método Pilates aumenta a flexibilidade, deixando os músculos alongados e as articulações mais flexíveis.

Isso melhora a postura, previne novas alterações posturais e previne algumas doenças musculoesqueléticas como hérnia de disco, artrose, artrite, desgastes articulares, luxações e etc.

8 – Melhora a qualidade de vida

Além de todos os benefícios citados, o Pilates ainda ajuda a :

  • Reduzir a fadiga muscular
  • Estimular o sistema circulatório
  • Melhorar a circulação linfática
  • Promover relaxamento e equilíbrio mental
  • Elevar a autoestima

Todos esses benefícios trazem um bem estar completo, o que melhora e muito a qualidade física de quem pratica a atividade.


Tenho certeza que muitos de vocês não conheciam nem metade desses benefícios, né?

Então se vocês querem praticar uma atividade física completa, que vai trazer benefícios físicos e mentais, corram para um estúdio de Pilates e comecem a praticar já!

Depois voltem aqui pra me contar o que estão achando! 😉

Beijokas!

Fisioterapia: O curso de pilates

Olá!

Hoje eu vim com o último post da série em que vim falando um pouco mais sobre minha profissão, a fisioterapia.

Em um primeiro momento eu falei como foi o curso, no segundo post falei sobre a profissão propriamente dita e nesse terceiro falarei como foi o curso de pilates que fiz há alguns meses atrás.

O post sobre o curso também foi um assunto que vocês me pediram, por isso resolvi falar, ok?

Fisioterapia – o curso de pilates

curso-de-pilates-2

Já fazia um tempinho que estava com vontade de fazer o curso de pilates, mas por falta de tempo (dinheiro, claro, hahaha) eu acabei demorando um pouco para fazer.

Até que esse ano eu consegui me organizar e finalmente realizei o curso!

A escolha do curso

Digitei “curso de pilates” no Google e recebi uns trocentos links de escolas diferentes, todas prometendo ser o melhor curso de pilates do Brasil.

Nesse primeiro momento fiquei bem em dúvida, afinal o curso não é nada barato e dá um medinho danado fazer o curso em um local que não é reconhecido.

E o fato do pilates ainda não ser um curso reconhecido pelo MEC atrapalha, pois não tem nem como consultar pra ter certeza da qualidade da escola que ministra o curso.

Inicialmente eu queria fazer ou o curso da The Pilates Studio Brasil (Inélia Garcia) ou da STOTT Pilates, que são os melhores cursos de pilates do Brasil, mas infelizmente esses cursos são extremamente caros e eu não tinha como pagar.

Então tive que procurar outro que fosse mais em conta. Nessas horas a melhor coisa é perguntar pros seus amigos da área para que eles indiquem o melhor, então fiz uma pesquisa rápida no meu perfil do Facebook e o local mais indicado foi a Metacorpus, que foi o lugar que eu escolhi.

Como é o curso?

Cada escola tem sua forma de dar o curso. Algumas dão aulas no meio da semana, outras dão só de sábado e domingo e por aí vai. Escolha o que esteja dentro do tempo que você tem disponível.

O da Metacorpus é realizado em dois fins de semana, de sexta, sábado e domingo das 8:00 as 18:00, e mais 30 horas de estágio obrigatório que deve ser feito no meio da semana, no próprio studio da Metacorpus onde o curso foi realizado (no meu caso, na unidade Paulista).

No curso você aprende um pouco da história do método e do criador, Joseph Pilates, os princípios do método e vários exercícios, básicos e intermediários.

As professoras ensinam como o exercício é feito, informam qual o grupo muscular está sendo trabalhado e depois os alunos precisam repetir e tudo que foi passado.

Também aprendemos um pouco de marketing e dicas para que possamos abrir e administrar nosso próprio studio de pilates.

No meio das aulas várias dinâmicas são realizadas para que o aluno aprenda a dar aula desde o começo do curso.

Nos estágios é preciso reforçar o aprendizado dos exercícios e reforçar também as técnicas de montagem e aplicação das aulas.

No final é realizada uma prova para avaliação do que o aluno aprendeu e a correção é feita individualmente, com o professor conversando cada questão com o aluno.

O curso é muito dinâmico, mas beeeem cansativo.

Ter aulas o dia inteiro por 3 dias consecutivos, mais os estágios no meio de semana, depois mais 3 dias consecutivos de aula e estágio de novo é bem puxado.

Mas dá pra aprender bastante coisa e sair do curso com uma boa bagagem para começar a trabalhar.

O curso da Metacorpus é bom?

Eu nunca fiz outro curso de pilates para comparar e dizer se esse é bom, mas na minha visão eu achei o curso bem completo e enriquecedor.

Claro que é um curso rápido e não dá pra ver tudo do método de uma vez só, mas achei que é um bom curso para quem quer iniciar a dar aulas de pilates.

Achei que em algumas horas no curso e no estágio as professoras colocavam uma pressão muito grande em cima dos alunos, e eu particularmente odeio fazer coisas sobre pressão. Isso foi algo que me atrapalhou um pouco, mas com a ajuda das minhas colegas de curso eu superei, rsrs.

Fora essa pressão excessiva e totalmente desnecessária (na minha opinião), achei o curso bem interessante.

Mas não dá para parar por aí. Conforme o tempo for passando, você for trabalhando e pegando experiência, vale a pena continuar se especializando e fazendo outros cursos para que você possa abrir mais sua base de conhecimento e possa se tornar um instrutor cada vez melhor.

Eu já tenho vários projetos de cursos na minha cabeça, espero que possa me especializar cada vez mais!


Fiz um post falando um pouco sobre o pilates, vale a pena dar uma olhadinha caso você não conheça muita coisa do método: Tudo sobre pilates

Tentei colocar as informações mais importantes no post e se você ficou com alguma dúvida, é só perguntar!

Lembrando que no Brasil só fisioterapeutas e educadores físicos podem dar aulas de pilates, então o curso é voltado apenas para esses profissionais. 😉

Beijokas!

Tudo sobre pilates

Olá!

Essas últimas semanas as postagens do blog andaram meio em falta, né?

Isso aconteceu porque euzinha resolvi “mudar de ares” e me envolver em outra direção dentro da minha profissão (rimou!). Fiz um curso de pilates e agora sou instrutora, uhuuuu!

O curso foi um pouco puxado e vou fazer um post falando só sobre ele, ok?

Hoje vamos falar apenas sobre essa prática de exercícios que vem crescendo cada dia mais, o pilates.

Você sabe o que é pilates? Não? Então vem comigo que eu vou te explicar!

Tudo sobre pilates

pilates

O que é pilates?

O pilates é um método de condicionamento físico desenvolvido por Joseph Pilates, que tem como princípio trabalhar o fortalecimento e o alongamento muscular de forma global.

Os exercícios trabalham a força e a flexibilidade muscular, com movimentos lentos, precisos, coordenados, suaves e contínuos. No pilates é preciso ter concentração e consciência do movimento, já que aqui o importante é a qualidade do movimento, e não a quantidade.

Aqui tem um videozinho super fofo explicando como o método foi criado:

O pilates é baseado em 6 princípios básicos:

  • Concentração – é preciso se concentrar totalmente no movimento que está sendo realizado
  • Controle – controle da velocidade e do movimento realizado
  • Fluidez do movimento – os movimentos precisam ser leves e fluidos
  • Precisão – os exercícios devem ser sempre bem precisos
  • Respiração – a respiração precisa ser concentrada e feita de acordo com o exercício realizado
  • Centro de força – músculos responsáveis pela manutenção da postura e estabilização da coluna vertebral, que devem ser contraídos de acordo com a realização do movimento

No pilates seu corpo é visto como um todo, e por isso todos os músculos trabalham juntos e de forma equilibrada.

Os exercícios podem ser realizados no solo:

mat-pilates

Ou nos aparelhos:

Cadillac

pilates-cadillac

Reformer

pilates-reformer

Chair

pilates-chair

Quais os benefícios do pilates?

O pilates traz uma série de benefícios, vou citar apenas os principais:

  • Melhora da força muscular
  • Melhora da flexibilidade
  • Melhora da postura
  • Diminui dores causadas por alterações posturais
  • Reduz o stress
  • Melhora a percepção do corpo e da mente
  • Melhora da consciência corporal
  • Melhora a respiração
  • Melhora o equilíbrio
  • Melhora a coordenação motora
  • Aumenta a densidade óssea
  • Melhora a circulação sanguínea
  • Modela o corpo*

* O pilates não faz você ganhar massa, mas como ele trabalha a força, resistência e flexibilidade muscular, o corpo fica mais torneado e consequentemente, modelado. 😉

Quem pode fazer pilates?

Todo mundo! Crianças a partir dos 12 anos, adolescentes, adultos, idosos, atletas, sedentários, homens, mulheres… Qualquer pessoa que deseja realizar uma atividade física diferente que traz inúmeros benefícios ao corpo humano além de melhorar sua flexibilidade e postura.

Claro que existem certas restrições, que são as mesmas de qualquer atividade física comum.

Converse com seu médico e se ele te liberar para fazer atividade física, você pode fazer pilates! 😉

Quem mais se beneficia do pilates?

Todo mundo pode se beneficiar do pilates, mas existem alguns tipos de pessoas que podem ter ainda mais benefícios:

  • Pessoas que não podem fazer atividade física de grande impacto, já que no pilates não há grande impacto articular na realização de exercícios
  • Pessoas com doenças de coluna (que foram previamente liberadas pelo médico para realização de atividade física)
  • Grávidas (somente após o 3º mês de gestação e com liberação do obstetra)
  • Idosos
Quem pode dar aula?

Para dar aula de pilates é preciso ser fisioterapeuta ou educador físico e ter feito o curso de pilates.

Onde realizar?

Estúdios de pilates e academias que tenham um estúdio próprio.

O pilates deve ser realizado em turmas de no máximo 3 alunos, pois os exercícios devem ser prescritos individualmente para cada aluno e é necessário uma atenção especial do professor para cada um deles.

Qualquer coisa diferente disso (turmas com 4 alunos ou mais) não pode ser considerado como verdadeiro pilates.


Fiz um apanhando geral sobre o pilates e espero ter tirado as dúvidas de vocês a respeito do assunto!

Se ainda sobrou alguma dúvida, é só comentar que eu respondo! 😉

Beijokas!