Do loiro ao ruivo!

Olá!

Alguma loirinha aí quer ficar ruivinha? Então esse post é pra você!

Nele eu vou dar todas as dicas do que fazer para sair do loiro para o ruivo, o que fazer para manter a cor, o que fazer para desbotar menos e como fazer para cuidar do seu novo cabelinho ruivo!

Do loiro ao ruivo

Sair do loiro não é tão fácil assim como parece! Porque você não pode simplesmente tacar qualquer tinta nele já que dependendo da cor que você colocar, o resultado pode ser desastroso! Sabe aquela história de que se colocar tinta preta no loiro ele pode ficar verde? É verdade!

Isso acontece porque o cabelo está descolorido e colocar um pigmento forte demais sem uma preparação pode causar um efeito contrário de cor.

E isso também pode acontecer se você é loira e pretende ir para o ruivo! Não pode jogar a tinta direto no cabelo (depende do tom de loiro) e por isso pode ser preciso uma pré-pigmentação. Mas calma, eu vou explicar tudinho, basta seguir os passos abaixo:

1 – Escolher o tom de ruivo

Primeiramente você vai precisar escolher qual ruivo você quer. Um mais escuro, tipo um 7.4? Ou um clarinho, strawberry blond, que é um 9.4? Um cereja 6.66?

Escolha certinho o tom que você quer. Se está perdida em relação aos tons de ruivo, recomendo que leia o post abaixo:

Tons de ruivo e como conseguir cada um deles

2 – Analisar a cor atual do cabelo

Para saber se é preciso ou não fazer uma pré-pigmentação vai ser necessário analisar a cor atual do cabelo.

A pré-pigmentação é sempre necessária quando você vai utilizar um tom mais escuro que a cor atual do seu cabelo

Vou dar um exemplo:

Se você tem um cabelo na altura do 8 e quer usar um ruivo 8.4, não será preciso pigmentar antes já que o tom que você deseja está na mesma altura (8, louro claro).

Agora, se você tem um loiro na altura de um 9 (louro claríssimo) e quer usar um 7.4, a pré-pigmentação é necessária.

4 – Comprar as tintas

Já escolheu o ruivo e sabe que vai precisar pré-pigmentar? Agora é preciso comprar as tintas!

Lembre-se que na pré-pigmentação é necessário usar a mesma cor que você vai tingir o cabelo, então será necessário comprar um tubo extra de tintura!

Se você usa 1 tubo de tintura para tingir, compre mais um para pigmentar. Se o cabelo for longo ou volumoso, talvez seja necessário comprar mais tubos. Não economize, é melhor sobrar tinta do que faltar, hehe!

Lojas virtuais para comprar tintas ruivas

3 – Fazer a pré-pigmentação

Como falei anteriormente, se você vai escurecer nem que seja 1 tom do seu cabelo atual, a pré-pigmentação é necessária. E vou ensinar como fazer. Você vai precisar de:

  • 1 tubo de coloração da mesma cor e marca que você vai tingir o cabelo (o ruivo escolhido)
  • água morna
  • 1 pote de plástico
  • 1 pincel de tintura

Você vai misturar a coloração com a água morna na mesma proporção. Se o tubo vem com 6oml de tinta, você vai acrescentar 60ml de água morna.

Com o cabelo seco, aplique a mistura de tinta e água em todo o cabelo, da raiz as pontas. Deixe agir por 20 minutos.

Sem enxaguar, tire o excesso de produto com uma toalha (velha, porque mancha!) e agora passe a tintura mesmo, dessa vez com água oxigenada.

Se você estiver escurecendo, use água oxigenada de 20 volumes. É melhor para fixar o tom.

Aguarde mais 40 minutos (tempo de ação da tinta), enxágue e finalize.

Essa é a forma correta de se escurecer um cabelo, seja para qual tom for, ok? No post usei o ruivo mas a técnica pode ser usara para qualquer cor de cabelo!

4 – Cuidar bastante

Agora que você ficou ruiva, é importante cuidar dos fios para evitar que eles ressequem e fiquem danificados.

O melhor tratamento é o cronograma capilar. Mas se você não puder seguir, uma hidratação 1 vez por semana já ajuda bastante!

Cronograma capilar: o guia definitivo

Se puder, faça uma cauterização logo em seguida da coloração. Isso ajuda a fechar as cutículas e faz a cor fixar por mais tempo.

5 – Evitar o desbotamento

O cabelo vai desbotar? VAI! E muito, principalmente nos primeiros dias. Não tem jeito, gente, cabelo loiro quando escurece desbota mesmo. Mas depois de umas 3 ou 4 colorações a cor pega direitinho e depois não desbota mais com tanta facilidade.

Durante esse tempo de desbotamento você pode seguir algumas dicas para evitar que desbote mais que o normal:

  • Use shampoos sem sulfato – ajuda a manter a cor
  • Utilize condicionadores e máscaras com pH baixo – ajuda a selar a cutícula e mantém o pigmento no cabelo por mais tempo
  • Utilize protetores térmicos – o calor do secador e chapinha desbota o cabelo, então o protetor vai ajudar a proteger os fios e consequentemente, diminuir o desbotamento
  • Utilize finalizadores com proteção solar – o sol também desbota o cabelo, então proteja-o!

6 – Desbotou? Tonalize!

O ideal é que o retoque da cor seja feito a cada 30 dias, pois é um bom intervalo para que você possa tingir de novo sem danificar os fios.

Mas caso ele desbote antes dos 30 dias, utilize um tonalizante, pois ele vai devolver a cor para os seus fios sem danificar.

Se você não entende nada de tonalizante, eu tenho um guia especial para você:

Guia definitivo do tonalizante!

Com essas dicas você conseguirá virar uma ruivinha linda, com o cabelo de cor incrível e ainda por cima saudável! 😉

Atenção especial:

Cabelos platinados

Se o cabelo for platinadão, daqueles beeem claros, e você deseja ir pra um ruivo mais escuro (na altura do 6 ou 7), o ideal é que você faça o procedimento em duas etapas.

Isso porque não é indicado escurecer mais que dois tons de uma vez, para não correr riscos de cores indesejadas ou manchas.

Vou dar um exemplo do que fazer:

Vamos imaginar que você tem o seu cabelo na altura de um 11 (loiro ultraclaro) e você quer usar um ruivo 7.4, faça da seguinte forma:

  • Etapa 1: escurecer dois tons, fazendo pré-pigmentação e tingindo o cabelo com a cor 9.4
  • Etapa 2: escurecer mais dois tons, fazendo outra pré-pigmentação e tingindo com a cor 7.4

Essa forma é mais indicada e segura para os platinados!

Cabelos com raiz escura e pontas claras

Se seu cabelo está com a raiz escura e as pontas claras, o procedimento é mais complicado.

O correto é fazer uma pré-pigmentação e tingir o cabelo com ox de 20 nas partes claras. Na raiz escura, utilizar a mesma tinta com ox de 30, para igualar a cor.

Só que eu sinceramente não indico fazer isso em casa, porque é muito trabalhoso e chance de manchar é grande. Nesse caso é melhor procurar um profissional!

Cabelos com luzes

O procedimento aqui é ainda mais complicado, porque é necessário escurecer as luzes e clarear as partes escuras. Isso é serviço para profissional, procure um cabeleireiro!

Se você quer aprender mais sobre ruivo, não deixe de ler esse post:

Enciclopédia do cabelo ruivo perfeito


Essas são minhas dicas para que você saia do loiro para o ruivo com segurança, mas eu sempre indico que se possível, procure um profissional para fazer tudo, nem que seja só a primeira coloração. Afinal é muito melhor fazer o serviço com um profissional qualificado e que você sabe que vai fazer tudo certinho, né?

Beijokas!