Cuidados especiais para gatos idosos

Olá!

Vocês já devem saber que eu tenho um idosinho em casa pra cuidar, que é o Mingau!

Pode não parecer, mas minha bolota peluda já tem 12 anos!

E assim como um idoso humano, um gato mais velhinho precisa de alguns cuidados especiais para manutenção de sua saúde.

Como tenho um pouco de experiência no assunto, resolvi fazer um post especial dando algumas dicas de como cuidar de gatos idosos!

Cuidados especiais para gatos idosos

gatos-idosos-cuidados-especiais-2

Se um gato tem mais de 11 anos ele já pode ser considerado um gato idoso. Se é o caso do seu gatinho, veja abaixo as dicas do que fazer para deixar a velhice do seu fofuchinho mais confortável!

Leve regularmente ao veterinário

Se antes você adiava a visita do seu gato ao veterinário, saiba que agora não deve adiar mais!

Gatos idosos são mais propensos a ter doenças como diabetes, hipertensão, hipertireoidismo, doenças cardíacas, doenças intestinais, insuficiência renal e problemas dentários.

Se você leva seu gato ao veterinário sempre, ele vai examiná-lo e pedir exames complementares para evitar que essas doenças apareçam.

E caso alguma apareça, se descoberta no início as chances de tratamento são bem grandes. Por isso o ideal é que seu gato visite o veterinário a cada 6 meses.

Dê uma ração de qualidade, especial para gatos idosos

Dar ração de qualidade para seu gato é algo que deve ser feito desde filhote, pois isso ajuda a evitar doenças e obesidade no seu peludo.

Gatos idosos precisam seguir uma dieta especial para evitar as doenças que citei anteriormente, por isso é sempre bom dar rações especiais para gatos idosos.

Converse com seu veterinário e veja qual é a melhor opção pro seu fofucho.

Controle o peso do seu gato

A obesidade nos felinos é algo que pode trazer outras doenças junto, como a diabetes, hipertensão, colesterol e doenças cardíacas no geral, por isso é importante que seu gato mantenha um peso ideal.

Cada raça e idade tem um peso a ser mantido, por isso converse com o veterinário e veja qual é o peso que seu gato idoso precisa ter.

E se precisar, invista em um regime para ele, tudo com orientação veterinária!

Mantenha seu gato ativo

Gatos já são bichos que por natureza dormem muito, quando são idosos então eles ficam ainda mais dorminhocos e preguiçosos!

Por isso é importante mantê-los ativos para ajudar na manutenção da força muscular, para a saúde das articulações e também para gastar um pouco mais de calorias para evitar o sobrepeso.

Invista em brinquedos que estimulem a atividade física ou brinque você mesmo com ele!

Aqui em casa eu gosto de brincar de pega pega com o Mingau, funciona!

Estimule seu gato a beber mais água

Gatos não são muito bons em beber água, e quanto mais velhos ficam, a tendência é que bebam ainda menos.

A diminuição da ingestão de água em um gato pode causar problemas nos rins, como a insuficiência renal. Por isso é importante estimular gato a beber bastante água.

Para isso é importante que você mantenha a água do potinho deles sempre fresca, espalhe vários potes pela casa para estimular e sempre que possível dê sachês para seu gatinho comer, pois a alimentação é úmida e ajuda a manter o corpo do gato hidratado.

Mas a melhor forma de estimular seu gato a beber água sem dúvida é através de uma fonte. Comprei uma para o Mingau e percebi que ele bebe bem mais água que antes!

PS: Ele demorou umas duas semanas pra acostumar, mas depois que bebeu água a primeira vez, nunca mais parou!

Fique de olho em qualquer atitude estranha

Se seu gato começar a ter sintomas ou atitudes diferentes do habitual, não pense duas vezes e leve seu gato no veterinário, pois isso pode ser um indício de que alguma coisa não está bem.

Se o gato apresentar vômitos, diminuição do apetite, perda de peso, diarreias e feridas na pele, leve imediatamente ao veterinário.

Se ele ficar mais apático, começar a fazer suas necessidades fora da caixa ou ficar mais arisco, acompanhe por um ou dois dias só pra saber se foi um problema pontual ou se está ocorrendo com mais frequência. Caso continue acontecendo, procure o veterinário!

Deixe seu gatinho confortável

Outra forma de promover a saúde do seu gatinho é evitando que ele se estresse, por isso deixe sempre uma caminha limpa e confortável para ele tirar os cochilos a hora que quiser.

Também deixe comida, água e a caixa de areia em lugares de fácil acesso para ele, tudo para deixar a vida dele mais confortável.

E dê muuuuuito carinho!

Os gatos idosos precisam não só de mais atenção, mas também de mais carinho!

Eles costumam ficar ainda mais carentes e dependentes de você, por isso é importante estar sempre disponível para dar muito amor e carinho para eles!

E claro, é a hora de retribuir tudo de bom que eles trouxeram pra sua vida! <3


Ter um gato idoso é muito gostoso, pois eles ficam ainda mais grudadinhos com você!

Então por favor, aproveitem esse momento especial da vida deles e cuidem direitinho, tá?

As dicas são para gatos, mas todas elas se adequam também para os cachorrinhos idosos! 😉

Beijokas!

Comentários

comentários

  • Regina (08/05/2015)

    Também tenho um gato que esta idoso o tadinho, passa maior parte do dia dormindo, vou seguir suas dicas para melhorar a vida de meu gatinho.

Comenta, vai!

Your email address will not be published.

Acho que você também vai gostar

Here you can find the related articles with the post you have recently read.