Dica de Esmalte: Risqué Dia das Estrelas

Oláá!

Não, eu não fui patrocinada pela Risqué…rsrs…mas é a terceira semana consecutiva que estou usando os esmaltes da marca!

Não tive um motivo específico…mas como comprei todos de uma vez queria passá-los logo. Mas eu acho que os esmaltes da Risqué se revoltaram contra minhas unhas porque essa semana o esmalte criou bolinhas… DE NOVO!

Essa semana eu escolhi um esmalte da coleção Cine Risqué, o Dia das Estrelas, que também é metálico como os que passei nas duas últimas semanas (Psico e Tattoo)
E eu acho que os esmaltes metálicos que por algum motivo estão criando bolinhas nas minhas unhas, é a única explicação que encontrei.
Pelo menos dessa vez, a cor é linda!

O Dia das Estrelas é um esmalte metálico de consistência média, mas que se torna meio difícil de passar porque ele escorre para os cantinhos com certa facilidade. É uma cor linda, tipo um bronze cintilante, com boa cobertura. Uma camada já cobre direitinho, mas prefiro passar duas para deixar a cor mais viva. Infelizmente, ele também ficou com bolinhas, mesmo passando em um lugar fresco e sem vento batendo.
Vamos ver nas unhas:

Ele é um metálico lindo e com muito brilho, mas mesmo assim finalizei com extra-brilho da Risqué. Adorei a cor, pena que ficou com bolinhas…mas mesmo assim pretendo dar outra chance para ele.

Alguém aí já usou esse esmalte? Ficou com bolinhas também?
Quero saber, comentem!

Beijokas!

Testei: Seda Pro Color

Olá!

Há algumas semanas atrás recebi para testar toda a linha Seda Pro Color, usei na semana passada e vim contar para vocês o que eu achei!
Já disse antes aqui no blog que eu até gosto dos produtos da Seda, pois eles realmente deixam meus cabelos bonitos e macios, mas esse efeito passava depois de algum tempo de uso. Antes de acabar o produto parece que ele não servia mais. A forma que encontrei de continuar usando Seda foi intercalando as linhas (um mês usava, o para cabelos coloridos, outro mês o liso intenso, e etc) e eu tinha bons resultados fazendo dessa forma. Porém, isso foi antes da reformulação dos produtos. Eu ainda não tinha usado a linha nova e fiquei feliz que a Seda tenha me enviado para testar.
Shampoo e Condicionador


O que a marca diz? Sua fórmula com antioxidante protege a coloração ajudando a evitar o desbotamento da cor. Enriquecida com Bio Queratina, colabora na nutrição e raparação para os fios. deixando-os saudáveis e radiantes. Resultados comprovados: Cor prolongada e nutrição para um cabelo mais saudável.
O que eu achei? A primeira coisa que preciso elogiar a Seda foi a idéia de fazer shampoos sem-sal. Diziam por aí que o Seda tinha sal demais e por isso ressecava (meu cabelo nunca ressecou), mas agora não tem mais esse problema! O shampoo não é extremamente hidratante, mas também não resseca. Achei que limpou bem, não ficou áspero e não pesou. O condicionador em compensação hidrata bem. Ao passar você já sente o cabelo deslizar desembaraçando imediatamente. Gostei bastante! O cabelo ficou bem macio e hidratado.
Creme de Tratamento


O que a marca diz? Sua fórmula com antioxidante protege a coloração ajudando a evitar o desbotamento da cor. Enriquecida com Bio Queratina, colabora na nutrição e raparação para os fios. deixando-os saudáveis e radiantes. Resultados comprovados: Cor prolongada e nutrição para um cabelo mais saudável.
O que eu achei? Senti uma mudança considerável (e boa) se comparada ao creme de tratamento de antigamente. Ele está bem mais consistente e com um grande poder de hidratação, porém ele não pesa nos fios. Gosto dessa máscara pois ela tem efeito em três minutos e ótima para quando estamos com pressa. Como ela hidrata bem e não pesa, eu uso sempre em todas as lavagens e tenha ótimos resultados fazendo dessa forma. Ao secar meu cabelo ficou extremamente macio e leve. Adorei!
Creme de pentear


O que a marca diz? Sua fórmula com antioxidante protege a coloração ajudando a evitar o desbotamento da cor. Enriquecida com Bio Queratina, colabora na nutrição e raparação para os fios. deixando-os saudáveis e radiantes. Resultados comprovados: Cor prolongada e nutrição para um cabelo mais saudável. O  creme de pentear prolonga a cor e diminui a formação de pontas duplas, mantendo o cabelo sedoso e com frizz controlado.
O que eu achei? Creme que hidrata sem pesar, gostei bastante. O cabelo estava tão macio e hidratado que mesmo antes de usar já estava desembaraçado, então só usei um pouquinho para finalizar mesmo. O único defeitinho do produto é que ele não é termo-ativado, então eu como sou escrava do secador e chapinha tive que utilizar um protetor térmico. Fora isso, o produto é excelente!
Conclusões: Eu gostei muito de todos os produtos da linha, mas até então eu sempre gostei dos produtos Seda. Como dito anteriormente, o meu problema sempre foi o depois, pois usando por um tempo ele parece que perde o efeito. Por isso, eu vou usar toda a linha Seda Pro Color direto até acabar, e depois vir aqui nesse post e fazer um update falando sobre o que achei.
UPDATE: Pessoal…usei o Seda direto por mais de um mês (usei outros produtos no meio porque sabe como é blogueira né? Cheia de coisa pra testar!) mas nesse tempo de uso, posso dizer que mesmo na última vez que lavei, os produtos continuaram deixando meus cabelos macios e hidratados, não ressecaram e não “acostumaram”…ou seja, mesmo depois desse tempo todo continuaram fazendo o mesmo efeito como se fosse a primeira vez que eu lavei. Aliás, não fizeram o mesmo efeito, eles foram melhorando a cada uso. Agora posso afirmar sem dúvidas, o novo Seda está totalmente APROVADO!

Eu adorei tudo pois meus cabelos ficaram macios, hidratados e brilhantes. Não postarei foto do meu cabelo aqui porque eu nunca consigo pegar o brilho dele em fotos, então achei que não adiantaria postar. Mas garanto que ele ficou lindo e perfumado, aliás, também já disse aqui e repito: adoro os perfumes Seda!
E vocês? Já testaram os produtos Seda?
Beijokas!

Dica de Esmalte: Risqué Tattoo

Oláá!

Há duas semanas eu postei o esmalte Psico, da linha Isabeli Fontana da Risqué (aqui). Não sei se lembram, mas o esmalte lotou de bolinhas e por isso não gostei muito dele (adorei a cor, mas não gostei da qualidade). Porém, eu tinha comprado junto com o Psico outro esmalte da mesma coleção, o Tattoo, então resolvi passá-lo hoje para testar e mais uma vez, eu não gostei!

O Tatto é um esmalte metálico de consistência um pouco mais cremosa que o Psico, mas um pouco difícil de passar já que ele escorre bastante e se você não tomar cuidado, pode acumular dos lados ou ficar muito grosso. Mas assim como o outro esmalte, o Tatto lotou de bolinhas! Moro em São Paulo e o clima por aqui está bem friozinho e pintei as unhas no quarto com as janelas fechadas, mas mesmo assim, bolinhas apareceram! Eu não sei qual o motivo mas já foram dois esmaltes da coleção que isso aconteceu.
Sobre a cor…bem, eu não gostei. Além de não achar nada de diferente, quase não tem brilho, e mesmo passando um extra-brilho (da Risqué) ele ainda ficou meio fosco. Vamos ver as fotos:

O Tatto não ficou com tantas bolinhas como o Psico, mas mesmo assim elas incomodaram. No caso do Psico eu fiquei triste pois eu adorei a cor, mas já com o Tatto, além da cor ser sem graça, ficou com bolinhas e sem brilho. Não gostei! Reprovado!

Algumas de vocês já usaram esse esmalte? Aconteceu o mesmo com vocês?

Beijokas!

Cabelo Loiro Perfeito – O Tratamento

Olá!

Ontem eu postei aqui sobre todo o trabalho que tive para conseguir alcançar o tom de loiro que eu queria (aqui) e agora vou falar para vocês sobre o tratamento, que é extremamente importante para quem deseja obter um cabelo loiro perfeito. Vou também dar sugestões de produtos que uso e deram certo para mim.

A reconstrução

Enquanto você estiver mexendo na cor e depois que você atingir o tom ideal, é necessário você fazer uma reconstrução desse cabelo danificado. Hoje existem vários produtos que fazem isso, e geralmente trazem bons resultados. Você deve fazer a reconstrução quinzenalmente, intercalando com hidratações.

  • Midollo di Bamboo, Alfaparf (resenha) – Foi o melhor tratamento que fiz para reparar meu cabelo extremamente danificado. São vários produtos em que você pode escolher se quer fazer cauterização, reconstrução quente ou reconstrução fria (o método escolhido vai depender do estado do seu cabelo).  Hoje eu continuo usando, intercalando com outros tratamentos que citarei abaixo.
  • Plástica dos fios Cadiveu – (resenha) – Também é excelente. Ele realmente faz uma “plástica” nos fios, pois quando você a usa, sente que seu cabelo é outro! Ajudou bastante na restauração.
  • Thermo Repair Loreal Professionnel – (resenha) – Esse é outro produto excelente, que ao passar nos fios você já sente que repara na hora. Além disso, seu efeito dura por até 5 lavagens, então o produto dura bastante.
  • RMC System Amend – (resenha) – Esse estou usando há duas semanas apenas, mas os resultados são tão bons que vale a pena o uso. Como meu cabelo já está bem restaurado das químicas, o kit vermelho deu bons resultados, mas se você está na fase de descoloração, recomendo o RMC azul, que é mais potente.

A lavagem

Quando temos cabelos virgens ou com químicas leves, todo shampoo e condicionador é bom e deixa o cabelo bonito (ok, nem todos, mas a maioria!). Se você é loira, saiba que não pode mais lavar seu cabelo com qualquer coisa, pois mesmo tratado, o cabelo loiro tende a ressecar com bastante facilidade e você vai precisar de produtos que além de lavar, hidratam. A frequência das lavagens é você que vai decidir, pois vai de cada tipo de cabelo. Mas geralmente os cabelos loiros são mais ressecados, que podem aumentar o intervalo entre lavagens.

  • Linha Liss Ultime Loreal Professionnel – (resenha) – Depois de muito procurar, finalmente achei o meu shampoo e condicionador perfeito. Esses produtos, além de hidratar muito diminuem o volume do cabelo, o que facilita a escovação e chapinha.
  • Linha MaxSther – (resenha) – Como já dito no post, consegui com esses produtos resultados muito parecidos com os produtos importados, e com preço bem mais em conta. Eles hidratam bastante e também ajudam na reposição de massa capilar.
  • Linha Pantene – (resenha) – Gosto muito dos produtos da Pantene, pois sinto que eles hidratam muito e deixam o cabelo macio e brilhante.

A Hidratação

Mesmo você reconstruindo e usando shampoo e condicionador hidratante, ainda é necessária a hidratação. Na reconstrução você repõe as substâncias do seu cabelo e os reconstrói, mas é na hidratação que você repõe aumidade.

Serve qualquer creme de hidratação, até aqueles baratinhos de 3 minutos do supermercado. Claro que existem produtos mais potentes, mas antes esses mais em conta do que nenhum! O ideal é hidratar quinzenalmente, intercalando com as reconstruções. Eu gosto também de intercalar os produtos de hidratação que uso, pois acho que dá mais resultado. Uma vez eu uso um de reconstrução profunda e outra uso um de 3 minutos. Você também pode substituir seu condicionador pela máscara de efeito rápido, pois ela não pesa e deixa o cabelo bonito.

  • Ampola Azul Alfaparf – (resenha) – Foi essa ampolinha que salvou meus cabelos na época das tinturas. Ela tem um excelente poder de hidratação e é extremamente duradoura.
  • Máscara de Café Vitaderm – (resenha) – É uma máscara de 3 minutos mas de uso profissional. Também dá excelentes resultados.
  • Máscara de Hidratação Intensiva MaxSther – (resenha) – Essa máscara deu ótimos resultados no meu cabelo, pois hidratou bastante, até as pontinhas danificadas.
  • Máscara Reparadora Pantene – (resenha) – Ela hidrata bastante, mas geralmente sai na primeira lavagem. Por isso se você usá-la com frequência, terá ótimos resultados.
  • Máscara Elséve Reparação Total 5 – (resenha) – Igual a da Pantente. Essas duas últimas você pode facilmente usar em todas as lavagens como condicionador.

O leave-in

O leave-in nada mais é que um hidratante sem enxágue. O produto é bom pois como permanece no cabelo, ele hidrata o dia todo, e você ainda pode utilizar todos os dias. Eu geralmente não uso leave-in pois como seco meu cabelo no secador, uso o defrizante (que geralmente faz a mesma coisa que o leave-in, mas diminui o volume e tem proteção térmica). Se você deixa seu cabelo secar ao natural, é muito importante utilizar o leave-in, mas se usa secador, opte por um bom defrizante.

  • Creme de pentear Absolut Repair – (resenha) – Leave-in que além de hidratar, repara seu cabelo. É excelente e você sente que hidrata e repara na hora em que passa nos fios.
  • Leave-in Maxsther blindagem e reposição de massa – (resenha) – Ótimo leave-in, hidrata bastante e não pesa nos cabelos, além de ter um perfume excelente.

O defrizante com reparação térmica

Se você utiliza secador, chapinha ou baby-liss, tem por obrigação usar antes um protetor térmico. Seu cabelo já é danificado e você não vai querer piorar esse processo usando as ferramentas térmicas sem proteção. O ideal é usar o menos possível, e quando usar, passar antes um bom produto que proteja. Como eu uso sempre a chapinha, optei por produtos que além de protegerem, diminuem o volume.

  • Óleo termo-alisante Liss Ultime Loreal Professionel – Um dos melhores que já usei, pois além de proteger, facilita a escova e chapinha.
  • Leite para escova Liso Absoluto Garnier Fructis – O melhor produto custo/benefício do mercado. É excelente e tem um preço super acessível
  • Defrizante Escova de Açúcar Aroma do Campo – Além de proteger e diminuir o volume, hidrata e dá brilho.

O shampoo desamarelador

Por mais que seu cabelo não seja amarelo, com a poluição, vento e exposição solar seus cabelos tendem a ficar amarelados. Para isso, você deve usar um shampoo desamarelador, que além de neutralizar os pigmentos amarelos, deixam o loiro mais vivo e brilhante. A frequência de uso vai depender do seu cabelo. Se amarela com facilidade, deve usar mais vezes.

A resenha de todos os produtos citados abaixo estão nesse post: Shampoos Silver (desamareladores).

  • Shampoo Silver Loreal Professionnel – O melhor desamarelador que já usei. Ele neutraliza o amarelo instantaneamente e tem efeito super duradouro.
  • Shampoo Blond Forever Mix-Use – Além de neutralizar o amarelo, hidrata bastante. Mas é preciso o uso frequente para conseguir melhores resultados.
  • Shampoo Violetto Vitabelle – Desamarela, hidrata e protege seu cabelo dos danos causados pelo sol, cloro e poluição. Ideal para se usar em viagens de verão.

A finalização

Depois de tuuuudo isso, você pode contar com produtos que finalizam e dão brilho para seu cabelo.

Sempre use reparador de pontas, pois esse produto sela a cutícula, impede o frizz e evita pontas duplas.

Os sprays de brilho também são excelente para dar aquele brilho a mais no seu cabelo. Escolha algum que não pese no seu cabelo.

  • Restaurador de pontas Advance Techiniques – (resenha) – Um dos melhores reparador de pontas que já usei, e como é o que mais gosto eu vou colocar apenas ele como opção. Mas você pode escolher o que for o melhor para seus cabelos.
  • Spray de brilho Semi di Lino Alfaparf – (resenha) – Dá muito brilho para os cabelos sem pesar, além de ter um perfume maravilhoso.
  • Spray de brilho SOS Silver Shine Widi Care – (resenha) – Um dos melhores sprays de brilho que testei, pois além de brilhar muito, hidrata sem deixar resíduos e sem pesar.

Além de todos esses cuidados, é importante você utilizar um bom filtro solar para cabelos. Eu sugiro que você opte por um dos produtos sem enxágue que contenham filtro solar. Pode ser o leave-in, o defrizante, o spray de brilho ou até mesmo o reparador de pontas. O filtro solar impede que seu cabelo seja danificado pelos efeitos dos raios solares, que ressecam e amarelam seu cabelo.

Seguindo todos esses passos rigorosamente, eu tenho certeza que você conseguirá ter cabelos loiros perfeitos e vai chamar a atenção de muita gente quando desfilar linda e loira por aí!

Qualquer dúvida, estarei a disposição, é só comentar!

Beijokas!

Cabelo Loiro Perfeito – A Coloração

Oláá!

Várias meninas me perguntam como eu consegui chegar a essa cor de cabelo, como faço para tratar e mantê-lo bonito. Então resolvi fazer um post falando tudo que eu faço, assim tiro a dúvida de todo mundo de uma vez!

Nessa primeira parte, falarei sobre a coloração e de como consegui ter essa cor atual, e na segunda parte (aqui) falarei dos tratamentos que fiz para restaurá-los de tanta química e como mantê-lo bonito.

Meninas, ser loira é difícil, mas alcançar a cor ideal é mais difícil ainda! Eu fiquei aproximadamente um ano mexendo na cor do meu cabelo para chegar a esse tom atual, e tive que aguentar resultados horríveis para poder ser loira fatal! Fiz uma montagem com as fotos minhas das cores que tive antes de conseguir chegar ao tom que estou, que é aproximadamente um tom 10, loiro claríssimo acinzentado.

Vou postar a foto e logo abaixo vou explicar mais ou menos o que foi feito para chegar nos tons das fotos. Lembrando que tudo foi feito no cabeleireiro. Se você tem o cabelo muito escuro (como o meu que era preto) e se quiser fazer mudanças radicais como a que eu fiz, é melhor fazer num cabeleireiro de confiança para não ter problemas.

1 – Meu cabelo natural é um castanho claro, mas depois de ter tingido de vermelho cereja, quis tirar o vermelhão de qualquer jeito e coloquei um preto em cima. Como gostei do resultado, fiquei tingindo de preto azulado por três anos. Até que não aguentava mais ser a Mortícia Adams e resolvi clarear.
2 – No salão, meu cabeleireiro fez duas decapagens e luzes bem fininhas, resultando nessa cor da foto. E tive que cortar também. Eu tinha o cabelo na cintura, e cortei mais de dois palmos para tirar todo o estragado que resultou da decapagem.
3 – Nessa foto, fiz mais luzes pois queria o meu cabelo claro. Mas meu cabeleireiro não fez muitas luzes pois meu cabelo não aguentaria tanta química de uma vez.
4 – Mais luzes, mas dessa vez fiz em maior quantidade. Eu gostei do resultado, mas queria ficar loiríssima, e esse tom ainda estava longe do resultado que queria.
5 – Aí foi a cor que mais odiei! Depois de fazer as luzes que falei da foto 4, fui passar uma temporada na Bahia e mesmo usando filtro solar e cuidando, ele ficou extremamente laranja. Quando voltei e vi meu cabelo, me desesperei e eu mesma passei uma tintura acinzentada para ver se melhorava mas o resultado foi esse da foto 5. Tive corte químico nas pontas e tive que esperar um pouco para poder tingir novamente.
6 – Tive que escurecer um pouquinho para poder tirar todo o laranjão, e cortei meu cabelo na altura do ombro, para tirar os efeitos causados pelo corte químico.

Fiquei uns três meses com essa cor, apenas retocando a raiz para o cabelo poder descansar um pouco de tantos danos.
Fui novamente ao cabeleireiro e fiz mais luzes, quase chegando no tom ideal. Então ele mesmo me recomendou usar uma tintura de tom 12 no cabelo inteiro que iria conseguir chegar na cor que queria. Depois de pesquisar as tinturas que tinham cores assim e com a ajuda da Pérola, do site Cabelos Lindos, escolhi a 12.89 da Color Perfect (com OX de 40 Welloxon Perfect). Essa tintura é um louro claríssimo pérola acinzentado, e como tem esses reflexos cinza, iria neutralizar o amarelado. Depois de passar essa tinta no cabelo inteiro por duas vezes, com um mês e meio de intervalo (e muito tratamento) entre as colorações, finalmente consegui atingir o tom que queria, que é o da foto abaixo.

*Troquei a foto de frente porque aquela pegou o flash só no meu rosto e eu estava parecendo um fantasminha! Essa está melhor, né?
UPDATE: Algumas meninas me pediram por e-mail para colocar uma foto maior e atual do meu cabelo, já que essa que está aí em cima é de mais de um ano. Então colocarei uma que tirei tem pouco tempo, para que vocês vejam como está agora (não muito diferente do que estava antes, só um pouco maior!):

Agora com esse tom, a única coisa que faço é retocar SOMENTE a raiz que cresceu. Eu comecei a saga de começar a ficar loira em outubro de 2008 e só consegui atingir o tom em novembro de 2009, ou seja, mais de um ano!

Então vamos resumir o que você deve fazer se quiser ficar loira:

  • Se seu cabelo for bem clarinho, facilmente você vai atingir o tom desejado. Mas se for escuro ou for tingido de cor difícil de tirar (como preto e vermelho), procure um cabeleireiro de confiança e faça tudo no salão.
  • Atingir o tom ideal demanda tempo, então não adianta querer tingir hoje e ficar loiríssima amanhã. Infelizmente você vai ter que aguentar ter o cabelo com cores estranhas até conseguir chegar onde deseja.
  • Durante o tempo de “enloirecer” tem que tratar MUITO o cabelo, se não seu fio não aguentará a química forte e poderá quebrar e gerar um estrago enorme. No próximo post (aqui) falarei dos tratamentos que fiz para ajudar você nessa jornada.
Já estou com esse tom de loiro há um ano e meio e adoro. Tenho tratado bastante dele e agora ele está crescendo forte e saudável. Mas a batalha foi dura até aqui. Mas mesmo com tudo que passei eu AMO meu cabelo loiro e não tenho a mínima vontade de ficar morena novamente. Se você conseguir um tom bonito e tratar bastante do seu cabelo, com certeza você fará sucesso por aí com seus cabelos claros!
Qualquer dúvida a mais que vocês tiverem, podem comentar que responderei com todo o prazer!
Beijokas!

Maquiagem da Naomi (Flávia Alessandra) na novela Morde e Assopra

Olá!!

Desde que a chamada da novela Morde e Assopra começou a passar na TV, eu via a personagem Naomi e babava pela pele dela, que era muito perfeita! Comecei a assistir a novela e fiquei ainda mais encantada. Tudo bem que eu acho que tem um tratamento no vídeo para parecer perfeito daquela forma, mas mesmo assim tive curiosidade em saber qual era a maquiagem que ela usava. Mandei e-mail para o CAT da Rede Globo, eles atenciosamente me responderam, e eu lógico vim correndo contar pra vocês!

Maquiagem da personagem Naomi da novela Morde e Assopra:

A base é da marca Sisley, e a cor é a Natural 03.

Na novela, ela usa dois tipos de blush. Um é da MAC, cor Peache (veio assim no e-mail, e acredito que seja a cor Peaches), e o outro é da Dior, na cor Bronze (tem vários Dior Bronze também, coloquei a foto de um dos que encontrei!).

Sombra ela também utiliza duas cores. A sombra preta é da Lancôme, cor Color Designer Strass Black e a outra é da MAC, cor Knight.

E para finalizar, o batom é o Guerlain na Cor Galia 03.

Agora é fácil fazer uma maquiagem igual a da Flávia Alessandra né? 
Para você quer que fazer uma parecida, a Andreza Goulart fez um tutorial que ficou igualzinhol! Quer ver? Clica aqui!
Beijokas!