Secrets Loção Cremosa Kelma

Olááá!

Há umas semanas atrás, fui até a perfumaria para comprar um hidratante corporal pois os meus tinham acabado. Não queria comprar nada muito caro pois encomendei alguns da Victoria Secrets e precisava de um hidratante para usar só até enquanto minha encomenda não chegasse.

Eu vi essa Loção Cremosa da Kelma na prateleira por R$ 4,50 e resolvi comprar!

Meninas, esse hidratante é muito bom! É considerada uma loção mas tem uma consistência mais grossa, e por isso senti que ele hidrata bem. Se sua pele é mais pra normal ou levemente ressecada, ele é ótimo, mas se for muito ressecada talvez ele não hidrate o suficiente. O perfume que eu escolhi foi o Vanilla Romântica, que é uma fragrância de baunilha que eu adoro, mas além deste tem mais três fragrâncias dessa linha: Morango com Champanhe, Pêra com Água Vegetal e Tangerina com Gengibre.

A embalagem vem com 500 ml e tem um pump, que facilita muito na hora do uso.
Como já dito acima o perfume dele é de baunilha, mas é bem suave, o que é bom porque assim sua pele fica levemente perfumada mas não vai brigar com a fragrância do seu perfume.

Esse hidratante entrou para minha listinha de produtos BCB, bom, cheiroso e barato! É um hidratante bom, super cheirosinho e não custa mais que R$ 5,00. Super recomendo!

Beijokas!

Testei: Hidratante In-Shower Folhas Verdes Vive

Oláá!

Recebi da Avora Cosméticos vários produtos para cabelo, que até já falei deles aqui no blog, e para o corpo recebi esse hidratante da Vive, que é uma marca de cosméticos que agora faz parte da Avora. Vamos as minhas considerações sobre o produto!

O que a marca diz?
Hidrata a pele de uma maneira prática e rápida durante o banho com o corpo ainda molhado. Fórmula composta de frações vegetais ricas em flavonóides das folhas de cassis, uva e maracujá, que auxiliam da proteção das fibras de elastina que sustentam a pele.

O que eu achei?
Primeiro posso dizer que gostei da facilidade de uso do produto. Após o banho é só passá-lo no corpo ainda molhado e depois secar naturalmente com a toalha.
Por o corpo estar molhado, ele desliza bastante na pele e parece que absorve o produto, então quando você passa a toalha o corpo realmente fica hidratado.
A hidratação dele não é tão potente, então para peles mais ressecadas acredito que não seja uma boa pedida. Como tenho pele normal, para mim hidratou o suficiente. O perfume do hidratante é muito gostoso, mas bem delicado e não dura muito tempo. Isso é bom porque assim não tem problema de a fragrância dele “brigar” com seu perfume ou desodorante.

Gostei bastante desse hidratante, pois além de ser fácil de usar e hidratar bem a pele, tem um cheiro delicioso. Aprovado!

Beijokas

Testei: Creme depilatório para o rosto Veet

Oláá!

Esse post é mais uma dica do que um testei, porque eu usei esse creme depilatório sem fazer aquele teste de alergia antes sabe? E tive uma reação danada e vim contar para vocês mais como um alerta mesmo!

O creme depilatório não tem o que se falar né? É passar no rosto, aguardar o tempo de ação e enxáguar bem. Na embalagem do Veet eles pedem para que a pele esteja perfeitamente limpa e seca antes da depilação.
Daí está bem explícito da embalagem do Veet assim como em muitos produtos químicos: AO UTILIZAR O PRODUTO PELA PRIMEIRA VEZ, REALIZAR A PROVA DE TOQUE.
Eu nunca fui de fazer esses testes de toques por preguiça mesmo sabe? E também por já ter usado o Veet nas pernas e não ter tido nenhuma reação eu acabei aplicando o negócio direto no rosto (no buço, no caso).
Deixei o tempo de ação indicado na embalagem (5 minutos) e tirei. Enxaguei só com água morna e utilizei um sabão neutro. Logo em seguida meu buço estava vermelho e ardendo. No outro dia apareceram várias bolinhas vermelhas na região do buço e bem perto dos lábios, parecendo herpes.
Ficou horrível! Mas foi bem feito pra mim que aprendi a nunca mais usar um produto sem antes fazer a prova de toque.

E esse post é um alerta para as meninas e meninos que assim como eu, não fazem a prova de toque antes de usar produtos químicos. SEMPRE FAÇAM não importa se vocês acham que o produto não fará mal. Eu tive uma reação que foi curada rápido mas pode acontecer algo muito pior na pele ou cabelo de vocês! Aprendi com meu erro e a partir de hoje sempre farei os testes que indicarem na embalagem.

Mesmo com a reação alérgica, os pelos foram retirados no tempo certo e o produto cumpriu sua promessa! É que pra mim ele não deu certo pois tenho alergia a algum produto da composição.

Prometam pra mim que sempre farão prova de toque a partir de hoje em todos os produtos hein?

Beijokas!

Testei: Ceralip La Roche-Posay

Olá!

Meus lábios vivem ressecando, e não há lip-balm que dê jeito neles! Todos os dias sinto puxar, ressecar, descamar…e no inverno minha situação é pior ainda. O melhor método que encontrei foi usar Bepantol todos os dias…não melhora 100%, mas é uma grande ajuda.

Na minha visita à dermatologista, ela me indicou o Ceralip da La Roche-Posay e até me deu o produto para testar. Vou falar o que achei dele.

O que a marca diz? Com alto poder hidratante e de repor os lipídeos, Ceralip ajuda a reconstituir a semi-mucosa labial ressecada. Sem perfume e sem conservantes, ajuda a minimizar os riscos de intolerâncias. Resultado: Restabelece o conforto da pele.

O que eu achei? Eu gostei do Ceralip pois realmente quando você o passa, ele hidrata e dá uma sensação de conforto nos lábios, como prometido pela marca. O problema é que esse efeito não é duradouro, ou seja, eu passo e após algumas horas os lábios já estão secos de novo. O Bepantol consegue manter essa hidratação por mais tempo.

Um grande defeito desse produto é o preço, que custa em média R$ 40,00 e vem só 15 ml. Sinceramente, por ser tão caro, não acho que vale a pena a compra, a não ser que você compre fora do Brasil ou peça pra alguém trazer do exterior, que sai bem mais em conta. Acho que o Ceralip pode ser facilmente substituído pelo Bepantol, mas se você não quer levar uma pomada de bebê na sua bolsa, pode comprar o hidratante labial da Nivea que eu acho bom e com preço bem digno!

Leitores e leitoras do meu blog: Qual hidratante labial vocês mais gostam? Ainda estou em busca de um que dê resultados. O próximo da minha lista de compras é o Carmex, tão bem falado na blogosfera.

Beijokas!

Luta contra a Acne: Dermotivin Líquido Original

Olá!

Continuando com os posts sobre os produtos receitados pela dermatologista, agora falarei do sabonete para limpeza facial,  o Dermotivin Original. A limpeza é uma das etapas mais importantes, pois se sua pele não estiver limpa e livre de impurezas, os princípios ativos dos produtos utilizados para o tratamento não penetrarão na sua pele, e com isso você não alcançará o efeito desejado.
Minha dermatologista me indicou o sabonete líquido Dermotivin Original, indicado para pele oleosa ou mista. Esse sabonete é vendido em qualquer farmácia, mas indico que vá a um dermatologista para que ele lhe diga qual melhor método de limpeza para sua pele.

Dermotivin Original foi especialmente desenvolvido para ajudar a reduzir a oleosidade, removendo impurezas e auxiliando na desobstrução dos poros. Contém extrato glicólico de calêndula e extrato de aloe vera, com ação emoliente e suavizante.
Eu gostei bastante de sabonete, pois eu sinto que ele limpa muito bem a pele e ao mesmo tempo a deixa macia. Logo após lavar o rosto, você passa a mão e sente a pele bem lisinha. A consistência dele lembra um gel e tem um perfume bem suave que eu adorei, pois como tenho rinite, se o perfume for muito forte eu acabo tendo crise de espirros.
A dermatologista me indicou lavar o rosto com esse sabonete e uma esponjinha, e é assim que eu estou usando.
Ele está controlando muito bem minha oleosidade, mas como estou usando o Epiduo e o Minesol Oil Control junto, fica difícil saber da eficácia dele sozinho. Mas pelo menos em conjunto com os outros tratamentos, está me saindo melhor que encomenda! Está aprovado!
Eu paguei por esse produto R$ 49,00 e ele tem 300 ml. Vai durar bastante!
Só uma dica: se sua dermatologista receitar esse sabonete para você (versão original) ele tem duas versões de tamanho, a de 120 ml e a de 300 ml, que foi a que eu comprei. A de 120ml custa em média R$ 40,00 e a de 300 ml custa em média R$ 50,00…ou seja, não vale a pena comprar a de 120 ml né? Cuidado pro farmacêutico não empurrar a menor para você só para te vender!
Beijokas!

Minesol Oil Control X Vichy Capital Soleil Toque Seco

Olááá!

Na minha luta contra a acne, que comecei essa semana, a dermatologista me receitou um filtro solar para controle da oleosidade. No caso, ela me receitou o Vichy Capital Soleil Toque Seco, mas como tinha vontade de usar o Minesol Oil Control, perguntei a ela se podia optar por esse último, e ela me autorizou.

Mesmo assim fiquei em dúvida qual dos dois comprar, já que segundo a dermatologista, os dois tem a mesma função e poderiam ser usados no meu caso. Li vários resenhas em blogs e acabei optando pelo Minesol. Mas se vocês também estão com dúvida sobre qual escolher, fiz um post comparativo entre os dois.

Vamos primeiramente ver o que cada um promete:

Minesol Oil Control: Protetor solar diário, testado por dermatologistas e clinicamente comprovado, que além de oferecer as mais eficazes soluções contra os efeitos nocivos do sol (UVA-UVB), reduz e controla a oleosidade da pele. Com seu sistema de filtro solares fotoestáveis de altíssima eficácia e longa duração (permanece na pele por até 8 horas), previne o envelhecimento cutâneo prematuro ou foto-envelhecimento (rugas e pigmentações cutâneas).

Vichy Capital Soleil Toque Seco: Os laboratórios Vichy desenvolveram o produto com uma combinação exclusiva de filtros. Unidos, esses ativos garantem proteção altamente eficaz contra os danos causados pelos raios UV e deixam a pele matificada por mais tempo. Além de proteger adequadamente sua pele contra os raios nocivos do sol, o Capital Soleil Toque Seco FPS 30 garante controle de brilho, elimina o excesso de oleosidade e deixa a pele seca e matificada.


Minhas considerações:
Textura:
Minesol: Esse protetor tem uma textura que parece mousse, meio aerada e mais consistente.
Vichy: Mais fluída, como se fosse uma loção, porém não tem óleo algum.

Perfume: 
Minesol: Perfume bem discreto, mas ao passar na pele não deixa nenhum cheiro.
Vichy: Praticamente sem perfume.

Facilidade de uso:
Minesol: Por ser mais consistente, é um pouco mais difícil de espalhar.
Vichy: Ao contrário do Minesol, é bem fluido e espalha mais fácil.

Matifica a pele?
Minesol: Instantaneamente. Ao passar o Minesol, ele seca na hora e a pele fica MUITO sequinha.
Vichy: O Vichy, logo que você passa, até por ser mais fluido, deixa um leve brilho na pele, mas pelo menos no meu caso, alguns minutos depois ele matificou bem a pele, assim como o Minesol.

A foto abaixo mostra os dois protetores espalhados. Tirei essa foto com flash para vocês verem que não fica brilho algum na pele.

A matificação é duradoura?
No meu caso, os dois protetores aguentaram o mesmo tempo a oleosidade, em média 6 horas. Vale lembrar que estamos no inverno e estou fazendo tratamento com o Epiduo, que controla muito bem a oleosidade. Acredito que no verão esse tempo seja diminuído.


Preço:
Minesol: Em média R$ 55,00. Eu paguei R$ 53,00 na Drogaria Massao.
Vichy: Em média R$ 49,90

Quantidade:
Os dois protetores tem 50g.

Por quê eu escolhi o Minesol Oil Control?
Primeiro pela consistência, que justamente por ser como um mousse matificou minha pele instantaneamente. Outra coisa que me fez escolher o Minesol foi pelo fato de ele durar até 8 horas na pele. Eu sempre reaplico meu protetor depois de 4 horas, mas se acontecer algo e eu não puder reaplicar, sei que estou protegida por um pouco mais de tempo.

Então é isso meninas! Espero que esse post ajude vocês a escolher o melhor protetor caso vocês tenham pele oleosa. Se tiverem mais alguma dúvida, podem perguntar!

Beijokas!