5 erros ao escolher o tom da base

Olá!

Escolher o tom da base nem sempre é uma coisa fácil, né?

As vezes a gente vai na loja, fica escolhendo por horas e quando chega em casa, a cor ainda sai errada!

Por isso é que no post de hoje vou dividir com vocês 5 erros muito comuns que a gente costuma cometer na hora de escolher o tom da base.

Se prestarmos atenção e não cometermos esses erros, nunca mais vamos errar na hora de comprar nossa base!

5 erros ao escolher o tom da base

1 – Não testar no rosto

Erro muito comum que eu tenho certeza que você comete!

Na hora de testar a base muita gente testa ou no dorso na mão, que geralmente é mais bronzeado que o rosto (já que usamos filtro solar facial com mais frequência) ou na parte de dentro do antebraço, que é mais clara. Resultado: a cor escolhida não dá muito certo com a cor do rosto!

Então na hora de escolher o tom da base, teste no rosto, ok?

2 – Não respeitar a diferença de tom entre rosto e pescoço

Geralmente nosso rosto é um pouco mais claro que o pescoço. Então na maioria das vezes, na hora de escolher a base o ideal é que ela seja mais próximo da cor do pescoço, para não dar diferença entre pescoço e rosto e não acontecer algo tipo isso:

Por isso ao testar a base, teste perto do queixo e espalhe para o pescoço, escolhendo uma cor que fique certinho para as duas partes.

3 – Não levar em consideração a luz da loja

Geralmente lojas de maquiagem possuem uma luz muito clara, o que ajudam as vendedoras na hora de fazer uma maquiagem na cliente.

Mas essa luz pode ser prejudicial na hora de testar os produtos, pois as vezes nós não percebemos que o produto pode estar muito escuro, já que a luz está clara. Pode acontecer o contrário, caso a luz seja fraca.

O ideal então é testar a base no rosto, sair da loja e testá-la em outras iluminações. Vá ao banheiro no shopping, na luz natural, enfim, vá em outros lugares com luzes diferentes para ter certeza que aquela cor é a correta.

Eu mesma já errei ao comprar um corretivo em uma loja da MAC, a luz era superforte e achei que estava ok, quando cheguei em casa, ficou muito escuro. 🙁

4 – Não respeitar o seu subtom de pele

Toda pele tem um subtom, que pode ser rosado, amarelado ou neutro. E é importante você saber seu subtom para escolher a base ideal.

Se você tem um subtom amarelado e compra uma base com fundo amarelado, existe uma grande chance de você se tornar um simpson ao usar essa base.

O ideal é comprar bases que neutralizam o seu subtom, para deixar o resultado mais natural. Eu tenho pele amarelada e compro bases com fundo rosado, para neutralizar o amarelo.

Para descobrir o seu subtom, existem algumas dicas:

  • Observe o tom das suas veias. Pessoas com subtons de pele quente (amareladas) possuem veias esverdeadas. Pessoas com subtons de pele fria (rosadas) possuem veias azuis ou violetas. Já as pessoas com subtom de pele neutra possuem veias misturadas azuis e verdes.
  • Coloque um objeto dourado e um prateado em cima da sua pele. Se a pele combina mais com o objeto dourado, a pele é amarelada. Se combina mais com o prateado, é rosada. Se combina com os dois, é neutra.

Depois de descobrir seu subtom, escolha bases que neutralizem esses subtons. Bases amareladas neutralizam o rosado e vice-versa. 😉

5 – Não levar em consideração que o tom de pele pode sofrer mudanças durante o ano

No inverno geralmente nós não pegamos sol, por isso nossa pele costuma estar bem mais clara. Ao contrário do verão, que pegamos aquele bronze e podemos escurecer até dois tons de pele.

E isso é importante na hora de escolher o seu tom de base. Se você comprou uma base no inverno, provavelmente ela não servirá no verão, pois será muito clara!

Se comprou uma base no verão, no inverno ela estará muito escura!

Então você terá que ter em mente que você tem que ter dois tons de base: um para o verão e outro para o inverno!

A não ser que você seja como eu, fantasminha que não pega sol no verão. Eu fico branquela o ano inteiro então uso sempre o mesmo tom de base, o ano inteiro! 😉


Agora é só ficar de olho, não cometer esses erros e nunca mais errar na escolha do tom de base!

Beijokas!

Comentários

comentários

Comenta, vai!

Your email address will not be published.

Acho que você também vai gostar

Here you can find the related articles with the post you have recently read.